InícioPolíciaHomem detido por atear dois incêndios

Homem detido por atear dois incêndios

A Polícia Judiciária (PJ) deteve, no concelho da Guarda, um homem de 49 anos, pela alegada autoria de dois crimes de incêndio florestal ocorridos na quarta-feira, na localidade de Videmonte.

O suspeito foi detido pelo Departamento de Investigação Criminal da PJ da Guarda com a colaboração de elementos do Serviço de Proteção da Natureza e do Ambiente (SEPNA) da GNR local.

A PJ refere em comunicado que o homem é o alegado autor de dois crimes de incêndio florestal ocorridos na quarta-feira, entre as 20:00 e as 21:00, no Sítio das Ladeiras, na localidade de Videmonte, no concelho da Guarda.

“Os incêndios foram iniciados por meio de chama direta, com recurso à utilização de um isqueiro, num contexto de vingança pessoal”, indica a fonte.

Segundo a PJ, ambos os fogos “foram ateados numa encosta com silvas, contígua de uma extensa mancha de carvalhos e de castanheiros, pontuada por diversas casas habitadas, provocando a queima de aproximadamente meio hectare, só não tendo atingindo proporções mais graves devido à pronta e eficaz intervenção de populares e bombeiros”.

O detido, que já possui antecedentes criminais pela prática do mesmo tipo de crime, foi submetido a interrogatório judicial, na sequência do qual ficou sujeito à medida de coação de prisão preventiva.

A PJ já identificou e deteve este ano 118 pessoas pela autoria do crime de incêndio florestal.