InícioDesportoJudo do distrito perde o talento de Ricardo Louro

Judo do distrito perde o talento de Ricardo Louro

O judoca Ricardo Louro foi uma das vítimas mortais do acidente ocorrido na terça-feira no IC8 e que vitimou ainda a namorada, Filipa Almeida.

O atleta faleceu no local e a namorada acabaria por não resistir aos ferimentos já no Hospital de Coimbra.

Ricardo Louro era um dos melhores judocas do país e nos últimos anos havia conseguido a medalha de bronze nos nacionais, na categoria -100 kg.

“Foi para além de treinador e amigo, um excelente atleta em representação do seu clube e da sua cidade”, refere uma nota da Escola de Judo Ana Hormigo (EJAH), projeto que ajudou a colocar de pé.

Foi medalhado em inúmeras competições, foi várias vezes medalhado em campeonatos nacionais, alcançando para o seu clube títulos nacionais e resultados de destaque e de valor prestigiante.

“Era atualmente o melhor atleta masculino de sempre do distrito de Castelo Branco pelo seu currículo invejável, que alcançou com o seu trabalho, dedicação e empenho”, refere a mesma nota.

Destacou-se ao longo da sua vida pela forma alegre e incansável que se dedicou ao Judo, aos outros e aos seus amigos em particular.

“É uma enorme perda não só para nós, Escola de Judo Ana Hormigo, mas para todos aqueles que privaram com este grande amigo, judoca, treinador e dirigente”, conclui a EJAH.