InícioCovilhãPrémio para projeto da UBI sobre medicação antes de viajar

Prémio para projeto da UBI sobre medicação antes de viajar

Um projeto desenvolvido no Centro de Investigação e Desenvolvimento da Beira (CIDB), com sede na UBIMedical, por docentes da Universidade da Beira Interior (UBI), foi o vencedor do Prémio João Cordeiro – Inovação em Farmácia 2017, promovido pela Associação Nacional de Farmácias (ANF).

Denominada “Rede das Farmácias Amigas do Viajante”, a ideia proposta pelos docentes João Luís Baptista (Faculdade de Ciências da Saúde) e Nuno Pombo (Faculdade de Engenharia) representará uma melhoria nas condições de segurança para a saúde de quem se desloca ao estrangeiro, nomeadamente a países onde é necessário ter cuidados mais rigorosos.

João Luís Baptista, docente especialista em Medicina Tropical e na área da consulta do viajante elaborou o projeto que se sustenta numa plataforma digital e numa aplicação móvel, cujo desenvolvimento ficou a cargo de Nuno Pombo, do Departamento de Informática da UBI.

Prevê-se que o sistema possa estar implementado no final do próximo ano, aproximando os viajantes dos cuidados de saúde nos países de destino e prevenindo as doenças que podem surgir nas deslocações a outros países ou continentes. O projeto abrange todas as fases da viagem – preparação, estadia e regresso -, com indicações sobre os riscos para a saúde e o modo de os prevenir pelas vacinas, medicação e cuidados quando necessário.

“A ideia é que qualquer pessoa chegue a uma farmácia, indique o seu local de destino e, através do computador, o farmacêutico tenha a informação necessária para o cliente”, explica José Luís Baptista. Depois, terá à disposição uma aplicação móvel “que está preparada para funcionar offline”, destaca Nuno Pombo, contrariando os problemas decorrentes da falta de ligação à Internet de muitos locais do planeta. Por isso, a informação é descarregada antes do viajante sair de Portugal, para estar disponível quando chega ao destino.

A “Rede das Farmácias Amigas do Viajante” convenceu o júri do Prémio João Cordeiro deste ano, que teve outros quatro finalistas: “Via Verde no FarmaDrive”, “Personalização de medicamentos por impressão tridimensional”, “Formular com Ideias” e “drBox”.

O prémio, no valor de 20 mil euros, foi entregue este mês ao projeto que melhor correspondeu ao propósito de dar mais um passo na inovação no setor farmacêutico.