InícioSociedadeLuxemburgo cada vez mais “apaixonado” pelos portugueses

Luxemburgo cada vez mais “apaixonado” pelos portugueses

O Grão-duque do Luxemburgo, Henrique, considerou esta terça-feira que os portugueses “são uma bênção” para a economia luxemburguesa e, pela sua integração, transmitem um “calor e um fervor” de que o seu país “tanto precisa”.

No âmbito de uma visita de Marcelo Rebelo de Sousa ao Luxemburgo, Henrique referiu que a presença da comunidade portuguesa no país “representa um enriquecimento social e cultural”.

Neste sentido, deu como exemplo os jogos de futebol, em que os luxemburgueses “vibram com as cores vermelho e verde”.

“Se as relações entre Portugal e o Luxemburgo têm esta intensidade, diria mesmo esta vibração única, devemo-lo à presença da comunidade portuguesa no nosso país”, afirmou o grão-duque.

Henrique saudou ainda a integração dos portugueses, considerando que eles são “uma parte maior daquilo que o Luxemburgo é hoje”.

Segundo dados oficiais, residem no Luxemburgo cerca de 100 mil portugueses (entre eles muitos beirões), que representam 16,4% da população deste país.

 

Henrique considerou ainda que hoje Portugal apresenta-se como “um ponta de lança do multilateralismo” e deu como exemplo a eleição de António Guterres para o cargo de secretário geral das Nações Unidas, fruto “de um compromisso diplomático inquebrável” e a lusofonia, que “é seguramente um elemento primordial neste movimento de abertura”.

Nesta visita ao Luxemburgo, o Presidente da República não tem tido mãos a medir perante as solicitações dos emigrantes portugueses, que não o deixam sozinho um segundo.