InícioSociedadeJoão Paulo Catarino coordena o “renascer das cinzas”

João Paulo Catarino coordena o “renascer das cinzas”

João Paulo Catarino, até agora coordenador adjunto da Unidade de Missão para a Valorização do Interior (UMVI), assume esta semana a coordenação da estrutura que vai deixar Lisboa e ficar instalada em Pedrógão Grande.

António Costa pretende que seja executado “diretamente no terreno” o projeto-piloto das políticas de revitalização do território e reordenamento florestal, que será implementado nos sete concelhos afetados pelos incêndios de Pedrógão Grande e Góis. João Paulo Catarino assume também a gestão governamental deste amplo plano para a revitalização daquele território. Licenciado em Engenharia Agronómica e bacharel em Engenharia de Produção Florestal, João Paulo Catarino, ex-autarca de Proença-a-Nova, ficará assim “com funções reforçadas” no terreno e ficará com a responsabilidade da execução das medidas governamentais.

Sabe-se que uma dessas estratégias é travar o abandono das florestas.

O anúncio da transferência da Unidade de Missão para a Valorização do Interior para Pedrógão Grande coincide com a saída de Helena Freitas do cargo de coordenadora. Em declarações ao JF  no final da última semana diz que tal “é mesmo uma coincidência. A minha saída já estava prevista”, depois do pedido de exoneração apresentado ao Primeiro-ministro em junho por motivos pessoais. “Não tem nada a ver com a transferência da Unidade”, frisa. “Fico satisfeita com a escolha da UMVI para desempenhar esta nova tarefa. Significa que suscitou a relação de cumplicidade e a credibilidade nos territórios para cumprir esta missão”.

Helena Freitas não esconde, contudo, alguma insatisfação sobre a falta de apoio politíco, tal como referiu numa recente entrevista ao Jornal do Fundão. “Entendo que é preciso fazer mais e é preciso maior compromisso político. Esgotei o que posso fazer no atual enquadramento”, repetiu no momento da saída, na semana passada, ao JF. Com João Paulo Catarino, a ex-coordenadora elaborou o Programa para a Coesão Territorial, um conjunto de medidas destinadas a potenciar o potencial económico do interior do país com a calendarização da aplicação das medidas por parte dos diferentes ministérios.  Helena Freitas, docente na Universidade de Coimbra, vai manter projetos de investigação em Portugal e em África.

Célia Domingues