InícioFundãoFestival de Teatro ao Ar Livre está de volta

Festival de Teatro ao Ar Livre está de volta

O Fundão recebe, entre os dias 18 a 27 de agosto, mais uma edição do TeatroAgosto – Festival Internacional de Teatro ao Ar Livre, que contará com 21 apresentações, entre espetáculos de teatro, música, cinema, animação.

Organizado pela ESTE – Estação Teatral da Beira Interior, companhia de teatro sediada no Fundão, o certame terá 11 companhias envolvidas num programa “diversificado e bastante variado”, que contará com “dois dos contadores de histórias mais interessantes desta tradição”.

“Quico Cadaval vem apresentar uma conferência colóquio sobre a técnica dos contadores de histórias e depois, no último dia, junta-se a Jorge Serafim, um outro grande contador de histórias, para em conjunto apresentarem o espetáculo de encerramento do festival; o ‘ContosAgosto’”, especificou Alexandre Barata, da ESTE.

Já a abertura do festival ficará a cargo dos alunos das classes de Teatro da ESTE, que apresentam o “O Inspetor Geral”, a partir de Nicolai Gogol, numa produção que juntará em palco vários jovens da região e alguns elementos da idade adulta.

Muito baseado num conceito de “descentralização de teatro” e com “o grande objetivo de levar o teatro às pessoas”, o festival volta a concentrar-se na cidade, mas contar com extensões nas freguesias do Alcaide, Silvares e Souto da Casa, no concelho do Fundão, e outra na cidade de Castelo Branco.

“Este é um festival que não quer centrar tudo num ovo, num nicho, seja na sua prática, seja na sua manifestação como forma artística, seja na sua relação com as pessoas”, salientou o diretor artístico do festival, Nuno Pino Custódio, lembrando que a descentralização que não se verifica apenas nas apresentações em outros freguesias, mas também no facto de se apostar num teatro que recorre a várias disciplinas, bem como na apresentações de rua em detrimento das salas e espaços fechados.

Pelo segundo ano consecutivo, a primeira semana deste festival decorrerá em simultâneo com Cale & SangriaAgosto, um outro evento de rua que se realiza no Fundão, sendo que a coincidência temporal foi programada tendo em conta a natureza dos espetáculos e de modo a “valorizar os dois eventos”.

O TeatroAgosto volta a ter representação internacional com duas companhias do Brasil e uma de Espanha, sendo que esta última apresentará o “Tanque Gururú”, que está nomeado para ao melhor espetáculo de rua em Espanha.

Ao longo dos dias, junta-se-lhes outras peças nacionais, nomeadamente “Há Beira da Revolta”, a última produção da companhia anfitriã.

O cartaz completo pode ser consultado no endereço www.esteteatro.com.

O orçamento global é de 40.500 euros e conta com financiamento da Direção-Geral das Artes e o apoio da Câmara Municipal do Fundão e de outras entidades e empresas locais.

O bilhete diário para os espetáculos com bilheteira custa seis euros, que reduz para quatro euros no caso de menores de 18, maiores de 65 anos e sócios, e para três euros no caso de grupos com mais de quatro pessoas.