InícioFundãoFernando Paulouro Neves vence Prémio Eduardo Lourenço 2017

Fernando Paulouro Neves vence Prémio Eduardo Lourenço 2017

O jornalista, escritor e ex-diretor do Jornal do Fundão, Fernando Paulouro Neves é o vencedor da 13.ª edição do Prémio Eduardo Lourenço, no valor de 7.500 euros, foi hoje anunciado na Guarda.

O anúncio foi feito pelo presidente da Câmara Municipal da Guarda, Álvaro Amaro, no final da reunião quinzenal do executivo, após ter tido conhecimento da decisão do júri, que hoje esteve reunido naquela cidade.

O nome de Fernando Paulouro Neves ao Prémio Eduardo Lourenço foi proposto pelo diretor do Jornal do Fundão, Nuno Francisco. No texto da candidatura, destaca-se a ação de Fernando Paulouro Neves “no panorama do jornalismo português dos últimos 50 anos”, ocupando “um lugar muito especial, não só pela fidelidade ao nó de terra que é o centro do seu universo criador, a Beira e a transversalidade fronteiriça da raia, mas sobretudo pela capacidade de dar à sua escrita, ao registo das micro-realidades da crónica ou da ficção que retrata, um sentido universal”.

Instituído em 2004 pelo Centro de Estudos Ibéricos (CEI), com sede naquela cidade, o prémio destina-se a galardoar personalidades ou instituições com “intervenção relevante no âmbito da cultura, cidadania e cooperação ibéricas”.
Personalidades de relevo de Portugal e Espanha já foram galardoadas nas anteriores edições: Maria Helena da Rocha Pereira, Professora Catedrática de Cultura Greco-Latina (2004), Agustín Remesal, Jornalista (2006), Maria João Pires, Pianista (2007), Ángel Campos Pámpano, Poeta (2008), Jorge Figueiredo Dias, Professor Catedrático de Direito Penal (2009) e César António Molina, Escritor (2010), Mia Couto, Escritor (2011), José María Martín Patino, Teólogo (2012) e Jerónimo Pizarro, Professor e Investigador (2013), Antonio Sáez Delgado, Professor e Investigador (2014) e Agustina Bessa Luís, Escritora (2015) e Luis Sepúlveda, Escritor (2016).