InícioEconomiaJapão interessado em importar queijo Serra da Estrela

Japão interessado em importar queijo Serra da Estrela

O famoso queijo Serra da Estrela está a ser promovido no Japão, em conjunto com outros produtos endógenos de “elevada qualidade”. A iniciativa é da Câmara Municipal de Celorico da Beira, em parceria com a Associação de Amizade Portugal Japão (AAPJ), tendo sido muito bem recebida pelos japonenses.

“No final de 2016, surgiu a possibilidade de projetar os produtos do concelho internacionalmente, mais em concreto no mercado japonês, onde, com o apoio da AAPJ, o Solar do Queijo Serra da Estrela espera mostrar o concelho, a região e os produtos regionais de elevada qualidade”, refere o município.

Numa primeira abordagem ao mercado do Japão, a grande aposta do município, “numa estratégia concertada com outros municípios e entidades, passa por divulgar produtos como o queijo Serra da Estrela, apresentando-o como um produto ‘gourmet’, assim como o requeijão e o borrego, todos eles certificados com garantia de qualidade”.

“Mas também o azeite, um produto com alto teor de qualidade e em vias de certificação”, é promovido no âmbito da mesma estratégia, assinala.

 

“A entrada no mercado está feita”, diz o vice-presidente José Luís Cabral, explicando que agora “há todo um processo que importa aprofundar, existindo já contactos de investidores” japoneses que estão interessados em importar produtos de Celorico da Beira, em particular o queijo que foi “adorado” por quem o provou.

Celorico da Beira tem o epíteto de capital do Queijo Serra da Estrela e possui o Solar do Queijo da Serra da Estrela, criado no final da década de 1990, onde o município divulga e vende queijo ao longo de todo o ano.

A região demarcada de produção do queijo Serra da Estrela abrange 18 municípios: Carregal do Sal, Celorico da Beira, Covilhã, Guarda, Fornos de Algodres, Gouveia, Seia, Manteigas, Mangualde, Nelas, Oliveira do Hospital, Penalva do Castelo, Aguiar da Beira, Arganil, Tábua, Tondela, Trancoso e Viseu.