InícioDesportoSerranos apresentam mais um reforço na derrota com Feirense

Serranos apresentam mais um reforço na derrota com Feirense

O Sp. Covilhã perdeu esta quarta-feira em Seia com o Feirense, da I Liga, por 2-0, em mais um jogo de treino da pré-temporada, no qual os serranos apresentaram um reforço, o extremo Fatai (ex-Leixões e que chega por empréstimo do Paços de Ferreira).

O técnico Filipe Gouveia jogou a primeira parte com S. Bento na baliza (ainda entrou Igor Araújo nos 15 minutos finais); João Dias, Zarabi, Alex Hans e Reinildo na defesa: Makouta, Gilberto e Renato Reis no meio-campo; e Hudson, Bonani e Seidi no ataque.

Duarante a primeira meia hora houve domínio covilhanense, com duas oportunidades flagrantes desperdiçadas por Renato Reis e Hudson, mas aos 40′ o Feirense marcou contra a corrente do jogo, por Valencia, num lance de distração da defesa serrana.

No segundo tempo, o Sp. Covilhã lançou os restantes jogadores, o guarda-redes Igor Rodrigues, os defesas Gerson, Joel e Reigones, os médios Milan Marcic, Fábio Martins, Índio, Diarra e Fatai e os atacantes Turé e Bilel.

O avançado ganês Medarious continua sem aparecer.

O segundo golo do Feirense surgiu já no minuto 90, num cabeceamento de Babanco, depois de uma segunda parte de fraca qualidade de ambos os conjuntos.

Do lado do Sp. Covilhã é evidente que dá muito trabalho construir uma equipa praticamente do zero. Com tantos jogadores novos, o técnico Filipe Gouveia sabe que tem “muito trabalho pela frente”, mas disse que gostou muito da primeira meia hora, ao ver “a equipa pressionante e a chegar com perigo à baliza contrária”.

Acredita que “há muita qualidade no plantel”, mas afirma que é urgente “fazer alguns retoques, nomeadamente com a contratação de mais dois ou três elementos, sobretudo para o meio-campo e que sejam jogadores com experiência”.

Numa análise muito rápida ao desempenho dos jogadores, podemos dizer que os laterais João Dias (único jogador que fez os 90 minutos) e Reinildo parecem ter o lugar ganho, esperando-se enorme luta entre os vários centrais. No meio-campo, Gilberto e Makouta partem na frente como dupla mais recuada. Daí para a frente há mais dúvidas, parecendo certo que Renato Reis vai ter uma das alas para si (o jogador cedido pelo Aves tem sido um dos mais regulares desde o primeiro dia de trabalho). Também Bonani mostrou bons pormenores.

O próximo teste é já no sábado, às 17 horas, no Complexo Desportivo da Covilhã, com os serranos fazerem o jogo de apresentação frente ao Desportivo das Aves, também da I Liga.

Filipe Sanches