InícioCulturaEstrela da música brasileira torna-se arqueóloga na região

Estrela da música brasileira torna-se arqueóloga na região

(c) Orlando Almeida/Global Imagens

No próximo mês de julho, a estrela da música brasileira, Adriana Calcanhotto, vai fazer escavações arqueológicas em Idanha-a-Velha, no concelho de Idanha-a-Nova, com uma equipa da Universidade de Coimbra.

“Vou fazer escavações em Idanha-a-Velha. Sou fascinada pelo mundo romano, sou Calcanhotto, em qualquer lugar do mundo onde sei que há uma ruína romana vou atrás. Às vezes tenho visitas guiadas de muito nível, às vezes menos, às vezes nem há guia, mas vou . Conheci o professor Pedro Carvalho, que escavou Conímbriga e fez o Criptopórtico, entre outras coisas, e agora vai começar uma escavação em Idanha-a-Velha, que talvez seja a mais antiga cidade romana em Portugal, na fronteira com Espanha”, diz a artista em entrevista ao Diário de Notícias.

“Há resquícios de um fórum, de um templo, pedras com inscrições. E tem a coisa mais linda que já vi: as pedras estão na vida das pessoas. São uns banquinhos na frente da casa das pessoas, um dos pés com uma pedra dos templários, outro com um capitel romano virado de lado, em cima uma pedra com uma inscrição. E em cima há vasinhos com plantas. Aquilo não está roubado num museu na Inglaterra, bem iluminado, está na vida das pessoas. Pode parecer bobagem mas deixa-me fascinada. Há ali uma coisa do tempo que sinto também no Alentejo. Não sei explicar, mas é uma coisa sobre o tempo”, acrescenta a cantora, que agora também se tem dedicado à escrita.