InícioCovilhãAntónio Fidalgo reeleito para segundo mandato como reitor

António Fidalgo reeleito para segundo mandato como reitor

António Fidalgo foi reeleito esta quinta-feira para o segundo mandato como reitor da Universidade da Beira Interior (UBI), informou a instituição.

O atual reitor, que tem 61 anos e é professor catedrático da Faculdade de Artes e Letras da UBI, foi reeleito após votação realizada pelo Conselho Geral, tendo conquistado 18 dos 29 votos possíveis.

Na corrida à reitoria estava também Tiago Sequeira, de 41 anos e docente da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da UBI, que conseguiu sete votos.

Registaram-se ainda quatro votos brancos.

António Fidalgo mostra-se satisfeito com o resultado, que considera ser “o reconhecimento do trabalho realizado”.

“Penso que o Conselho Geral achou que fazia todo o sentido continuar o trabalho encetado”, apontou.

Para os próximos quatro anos, prometeu “continuar a estratégia” e “pugnar pela estabilidade da instituição”, apostando, desde logo, na captação de alunos internacionais, que permitam fazer face à quebra demográfica nacional, cujos reflexos negativos se sentem em primeiro plano no Interior.

Entre as metas que António Fidalgo pretende alcançar está também a do reforço da “dinamização e reconhecimento da UBI”, bem como fazer da “Covilhã uma cidade campus“, com a presença dos alunos a “notar-se ainda mais” no quotidiano local.

“Portanto, aproveito para deixar um desafio às forças políticas para que também abracem esta ideia”, acrescentou.

Outro dos compromissos que assumiu é o de manter junto da tutela a reivindicação relativa à alteração do modelo de financiamento das universidades, já que o atual promove uma situação de “injustiça” entre as instituições e mantém a UBI subfinanciada há vários anos.

Catarina Canotilho