InícioOpinião
Artigos

Paulo Duarte Politicamente correto. Este é o paradigma dominante que rege a ação de qualquer responsável de campanha ou assessor de imagem. Em bom rigor, este é também o paradigma que dirige a nossa interação social. Procuramos ser simpáticos, corretos, diplomáticos, mesmo quando discordamos das ideias

Manuel da Silva Ramos O exílio sempre favoreceu os grandes escritores. Joyce, Beckett, Gombrowicz, Nabokov, são exemplos deste dogma literário. David Toscana, que pertence indiscutivelmente a esta categoria, acaba de ver traduzido para português o seu último livro “ Evangelha”. Na realidade há já três anos que

Nuno Francisco Vale a pena pousar a consciência nas palavras de Marcelo Rebelo de Sousa na sua declaração ao país, quando Portugal estava perante uma das suas maiores tragédias humanas. Vale a pena, porque terão escapado a muitos espíritos na voragem informativa que ocupou televisões, rádios e

Nuno Francisco Um dos grandes méritos da Unidade de Missão para a Valorização do Interior  (UMVI)  foi o de ter colocado o país a olhar para o Interior, quando muitos ainda tentam erguer o argumento de que num país tão pequeno – que da capitalà fronteira

Estrela Correia Por motivo que desconheço e, infelizmente, já não conseguirei descobrir, a minha mãe resolveu fazer a promessa de vestir de anjo as suas meninas, ainda pequenitas, para desfilarem nas procissões dos Passos e do Enterro do Senhor. Excitação profunda para as crianças. Maravilha das maravilhas, ir

Miguel Nascimento Desde há muito afirmo que a demografia é um dos maiores problemas políticos do nosso tempo. As consequências estão aí à vista de todos. O território interior vai-se desertificando num processo continuado, apesar de todas as esperanças que pairam no horizonte. Nas próximas eleições

Nuno Francisco O Valor facial da “promessa” anda tão por baixo que  a maioria dos candidatos nem sequer se atreve a pronunciar a palavra que marcou tantas campanhas eleitorais de antanho por esse cosmos autárquico. “Prometer”  foi um verbo que caiu em desgraça, substituído pelo “compromisso”,um

José Páscoa O governo decidiu criar um grupo de trabalho para estudar o potencial de exploração do lítio em Portugal. Criado em dezembro de 2016, este grupo de trabalho apresentou recentemente as conclusões do seu estudo. E estas são bastante pragmáticas. É proposta a criação de um

/